Monday, September 18, 2017

26th Emotions


     Ontem 17 de setembro foi o 26° aniversário desse álbum maravilhoso chamado Emotions!

     Ele é o 2° álbum de Mariah Carey e fez toda a crítica duvidar que a voz era realmente sua devido aos vocais estratosféricos, o álbum teve média de 62 pelas críticas e trouxe mais prestígio e poder para Carey, vejamos algumas de suas conquistas:

American Music Awards - Favorite Soul/r&b Female Artist.

Ascap Pop Music Awards - Songwriter Award - Can't Let Go.

Billboard Music Awards - Top Female Álbum Artist - Emotions.

Billboard Music Awards - Top Female Single Artist.

Billboard Music Awards - Hot 100 Singles Female.

BMI Pop Music Awards - Songwriter Of The Year.

BMI Pop Music Awards - Songwriter Award - Emotions.

BMI Pop Music Awards - Songwriter Award - Can't Let Go.

BMI Pop Music Awards - Songwriter Award - Make It Happen.

Bravo Otto Magazine Awards ( Germany) - Third Best Female Artist.

2 Discos de Ouro pelo mundo.

17 Discos de Platina pelo mundo.

8,5 Milhões de álbuns vendidos pelo mundo ( sem streaming, apenas vendas puras do álbum).

#MNW escutem o álbum no Spotify e veja seus vídeos no YouTube, vale apena cada minuto.

Fontes:
Billboard
Rolling stone
Metacritic
Média traffic
Riaa...



Tuesday, September 12, 2017

A Definição de Diva: 10 Maneiras que Mariah Carey mudou a Música.


     Ela emplacou mais hits e vendeu mais discos do que qualquer outro artista desde 1990, mas o impacto de Mariah Carey sobre a cultura popular permanece estranhamente subestimado. Então, ao invés de esperar  até o final da vida  dessa diva muitas vezes não apreciada, reflitam sobre seu legado reconhecendo 10 de suas principais contribuições para a música.

     Seja como resultado de comparações desfavoráveis com seu antecessor e único rival digno, Whitney Houston, ou por causa de suas muitas falhas como animadora ao vivo, Carey tem sido alvo de críticas severas por pessoas que não conseguem apreciar seu valor. Na verdade simplesmente lendo os comentários de indivíduos ignorantes em toda a blogosfera, é claro que o papel de Mariah como uma das artistas mais importantes de seu tempo claramente é incompreendida.

     Felizmente, alguns de nós reconhecemos que Carey  é maia do que a personagem diva de cabelos compridos e saltos altos que ela apresenta ao mundo. Em vez disso ela é um gênio da música habilmente disfarçado cujo o legado estabeleceu as bases sobre as quais gerações de artistas usam para construir suas próprias carreiras.

     Agora que obtive as espessas camadas de elogios, confira nossa lista com 10 principais maneiras que Mariah Carey mudou a música:

10- O Registro de Apito ( Whistle)


     Graças aos pulmões de aço e performances vocais melodramáticas, Carey tem sido comparada com Whitney Houston e Celine Dion como resposta para Aretha Franklin, Shirley Bassey e Barbra Streisand. No entanto, a voz de Mariah leva mais que apenas um passo além de suas concorrentes. De fato, em termos musicais, ela passa mais de 10 passos acima pois vai além do que qualquer uma sonha em alcançar.

     A gama de Carey facilmente anula todos os seus rivais e a coloca no topo da voz com o seu cobiçado registro. Sim, a grande Minnie Riperton introduziu aquelas escalas altas para a música popular, mas Carey ajudou  os fãs de música a redescobrir as maravilhas da voz humana, já que seus registros florescem nos extremos de sua gama tornando-se sua marca registrada.

Assista Mariah Carey executando Emotions abaixo:


9 - Compositora.


     Você sabia que Mariah Carey escreveu a maioria das canções de seu repertório e 17  de suas composições atingiram o topo da Billboard hot 100. Ela é a compositora mais bem sucedida no gráfico da Billboard no ranking feminino e no ranking geral fica em 3° lugar ficando atrás apenas de Paul McCartney em 1° com 32 canções e John Lennon em 2° com 26 canções.

     Estamos nos referindo a entrar no estúdio com papel e caneta e ficar sentado lá escrevendo ao invés de pagar por um slot nos créditos.

     A aproximação de Carey na arte de compor sua música é influenciado por Stevie Wonder, e sua capacidade de disfarçar o vocabulário de nível GRE como hits cativantes e isso é o que a separa de uma lista cada vez maior de imitadores.

     Mesmo quando Carey está sendo brincalhona, seu jogo inteligente de palavras continua sendo uma habilidade diga de admiração.

     Aqui está um trecho de Heartbreaker de Carey para ajudá-lo a  entender melhor suas habilidades de compositora:

É UMA VERGONHA SER TÃO EUFÓRICO E FRACO QUANDO VOCÊ SORRIR PARA MIM E VOCÊ ME CONTA AS COISAS QUE VOCÊ CONHECE ME PERSUADE DE RENUNCIAR MEU AMOR PARA VOCÊ MAS EU NÃO POSSO RESISTIR A NADA...

Veja Heartbreaker abaixo:


8 - Senhora do Amor.


     A voz flexível de Carey e a proeza nas composições tornaram - na um dos rostos da música MOR durante a década de 1990. Para aqueles de vocês que são jovens devem conhecer o termo que desde então perdeu a popularidade entre os críticos, significa  simplesmente o meio da estrada, e se refere ao material que é essencialmente uma mistura de vários estilos suaves sendo : pop, uma tempestade R&B e jazz. Em outras palavras, é um som moderno de rádio pop adulto contemporâneo.

     Juntamente com Houston, Dion, Sade, Mariah satisfez fácil os fãs ouvintes de sua música durante o início dos anos 1990 com sua mistura agradável de pop, gospel e R&B.

     Agora temos atuantes mais jovens como Leona Lewis, que vem tentando preencher o vazio que Carey deixou quando escolheu um estilo mais descaradamente urbano, mas infelizmente para eles Adele é a nova governante deste mercado e, como Gandalf the Gray disse a Saruman, " Ele não compartilha o poder".

Assista Mariah Carey executar Love takes time abaixo:


7 - Rainha do Natal.


     Toda temporada de férias, há um cantor que recebe mais airplay do que qualquer outro ato e a pessoa é Mariah Carey. Desde que lançou seu álbum Merry Christmas em 1994, ela se tornou  a voz de tudo que festivo e a personificação da torcida natalina.

     A versão de Carey  " O Holy Night" é amplamente considerado o padrão e a maioria das pessoas realmente só conhece seu arranjo e melodia. Além disso, com a excessão de Luther Vandross, o "All I Want For Christmas Is You" de Carey é possivelmente o único clássico moderno de Holliday, apesar das muitas tentativas fracassadas de vários outros artistas criarem os seus próprios.

     Eu ouvi dezenas de impressionantes álbuns de férias ao longo dos anos, mas Merry Christmas de Mariah, sem dúvidas teve o maior impacto cultural nas ultimas décadas. Muito tempo pode passar mas "All I Want For Christmas Is You" continuará sendo sucesso como sua verdadeira música de assinatura e uma lembrança duradoura de sua genialidade musical.

Veja o vídeo de All I Want For Christmas Is You abaixo:


6 - Pioneira no Hip Hop.


     Acabamos de mencionar que Mariah Carey fez um desvio para a música mais obviamente urbana em meados da década de 1990, mas o que basicamente isso significa? Bem, ela tirou o vestido negro de assinatura anterior, entrou em duas peças, cercou - se com rappers e tornou - se  a versão de música pop de Mary J. Blige.

     Carey primeiro tornou - se para um estilo mais baixo das ruas com O' Dirty   Bastard no remix de Fantasy e o resto é história. Junto com Diddy, que era tão conhecido como Puff Daddy, MISS Eliot, TLC e Jermanie Dupri, Carey foi pioneira no movimento hip hop e permanentemente criou pontes entre vários gêneros.

     Era raro ver uma cantora de música pop, especialmente uma das grandes divas MOR, compartilhando o destaque com rappers e padrão de Mariah se tornou natural. Na verdade ao contrário de Blige, Carey era uma doce princesa conhecida por suas baladas inspiradoras e com apelo inocente.

     O que Carey fez era considerado um grande risco e hoje é a norma que Beyoncé, Christina Aguillera, Rihanna entre outras seguem. O título de melhor rap/sung collaboration no grammy awards não existiria sem ela.

Veja Fantasy remix abaixo :


5 - Remix Revolucionários.


     Antes que Carey elaborasse remix de seus sucessos com rappers, ela cimentou sua posição como outro campo - Dance Music.

     Juntamente com produtores David Morales, David Cole e Robert Clivilles do C+C music factory, Mariah revolucionou o som da cena dance club americano

     Mariah Carey uniu forças com Morales para criar o Def club Mix de seu monstruoso sucesso de 1993 o hit " Dreamlover " e se tornou um dos primeiros artistas a renovar completamente uma música para o remix. Ninguém esperava que ela voltasse  a cantar seu single com novos vocais e arranjos e Cole como um mestre de jazz com 10 minutos. Infelizmente, esse grande esforço raramente é exercido ao criar remix, mas Carey ainda carrega  a tocha por causa dos clubs gays em todos os lugares como a Donna Summer de sua geração.

Ouça Dreamlover Remix abaixo:


4 - Muitos Samples ( amostras).


     Os rappers gostam de integrar um sample  bem colocado em sua música, Carey faz o mesmo. Curiosamente, a maioria de seus hits foram baseados em interpolações  e adaptações de outras músicas, e muitas artistas passaram a seguir seus moldes como Ashanti, Keri Hilson, Jennifer Lopez passaram a imitar seu estilo.

     Veja uma lista de algumas amostras que Carey usou em suas canções:


  • Dreamlover - Blind Ally de The Emotion.

  • Fantasy - Genius of love de  Tom Tom Club.

  • Honey - Hey DJ pela famosa equipe SM e The Body Rock por Treacherous Three.

  • The roof - Shook ones parte II de Molbb Deep.

  • Heartbreaker - Attack of The name game de Stacy Lattesaw.


Veja o vídeo de The roof abaixo:


3 - Última das Divas.


     Parece que foi ontem quando as divas governavam o mundo, mas Madonna corrompeu a juventude com suas travessuras vaginais. Longo tempo são os dias em que grandes vozes, vestidos glamourosos e as personagens do showgirl eram requisitos para o sucesso. Em vez disso, ficamos com prostitutas super sexualizadas que vendem visuais em vez de boas músicas.

     Felizmente, Carey nunca abandonou completamente seus caminhos de diva. A borboleta reintroduzida como estrelas mais semelhantes como Janet Jackson e Whitney Houston, mas Mariah permaneceu uma prima donna ( ver o que eu fiz lá?) no coração. Basta olhar para american idol hoje e você verá como cantores jovens tentam parecer como as divas do passado, enquanto Carey fica a poucos metros de distância em 6 polegadas de calcanhares  e um vestido de Tom Ford.

Veja Its Like That abaixo:


2 - Girl Power.


     Mariah Carey nunca se vangloriou de ser uma figura emblemática para o movimento de empoderamento feminino, mas ela confortavelmente se encaixa na conta. Em uma indústria dominada por homens, seus muitos sucessos ajudaram a abrir portas para outras mulheres, independentemente da etnia, para alcançar o topo das paradas.

     As realizações de Carey são o que os artistas mais jovens se esforçam para alcançar. Ela possui 18 n° 1 na Billboard hot 100 sendo a artista solo mais bem sucedida no ranking solo, no geral fica atrás apenas de The Beatles que possui 20, passou 79 semanas no topo do hot 100 é mais tempo que qualquer outro artista ou banda na história, suas vendas excedem 200 milhões de álbuns vendidos pelo mundo e é a única artista na história a conquistar o prêmio Billboard song of decade 2 vezes. Poderia continuar a listar seus inúmeros feitos, mas não possuo  tanto tempo disponível para continuar listando seus recordes/ conquistas.

Veja o 18°  single de Mariah Carey que atingiu o topo da Billboard hot 100:



1 - Realizações Vocais Complexas.


     Algumas pessoas consideram Whitney Houston como a maior cantora da nossa geração, mas eu discordo humildemente e atribuo esse título a Mariah Carey. Não há dúvida de que a primeira influenciou milhões de vocalistas, incluindo Carey, mas nunca mostrou a complexidade ou versatilidade de Carey.

     Carey experimenta com várias cores e texturas de sua voz de maneira que nenhum outro artista da música pop já fez até agora. Com a incrível sensação de arremesso, ela desenha o tempo e a precisão de Ella Fitzgerald, o estilo de Sarah Vougham, a gama de Minnie Riperton e o estilo de Aretha Franklin.

     Realmente, Mariah é um camaleão em todos os sentidos da palavra a medida que ela canta - jazz, gospel, R&B, soul, pop, dance, soft rock, hip hop e country. Essa atenção de detalhes continua a inspirar outros artistas que conscientemente tentam  imitar seus cós aquáticos e corridas vocais estratosféricas, o último dos quais Carey costumava redesenhar a balada moderna através de Vision Of Love nos anos de 1990 e novamente com We Belong Together nos anos 2000.

     Assista o vídeo de Vision Of Love e veja o impacto que teve em vários atos como Beyoncé, Christina Aguillera entre outras seguem:


Fonte: Trini Trend


Monday, September 11, 2017

As Colaborações de Rap da Cantora Mariah carey Serão Homenageadas no Evento VH1


     As muitas colaborações com artistas de Rap, da cantora Mariah Carey serão celebradas na premiação de Hip Hop do VH1 2017.

     A VH1, disse na segunda - feira que a cantora será homenageada na gravação de 17 de Setembro, apelidado como: "HIP HOP HONORS: THE 90's GAME CHANGERS", na Paramount Studios, em Hollywood, na Califórnia.

     Mariah Carey, que lançou inúmeros hits pop, é bem conhecida por suas colaborações e remixes incluindo : Jay-Z, Bone Thug - Harmony, Busta Rhymes, Ol' Dirty Bastard, Snoop Douglas e Diddy.

     O evento vai ser organizado pela atriz Regina Hall e também homenageará o ator Martin Lawrence. Miss Eliott irá executar.

     A VH1 disse que a TV, especialmente em homenagem ao Hip Hop na cultura Pop, irá reconhecer as vítimas dos furacões e, proporcionará aos telespectadores formas de ajudar.

Fonte: WashingtonPost